Rua David Maria Monteiro Gomes, 125 | LIGUE: (12) 3672-3149

Dezembro vermelho: doação de sangue

O ano de 2019 já está apontando no horizonte enquanto 2018 vai se despedindo. É chegada a época de férias, viagens em família, festas e confraternizações. Estamos num tempo de comemorar as conquistas e celebrar a esperança de um novo ciclo que vai começar em Janeiro. Essa festança toda é muito boa e saudável, mas infelizmente as estatísticas mostram um lado triste e pouco conhecido por nós no fim de ano: o aumento no número de acidentes de trânsito, ferimentos por arma de fogo e traumas em geral. Seja por imprudência, seja por embriaguez exagerada, o fato é que mais pessoas se machucam na época de festas do que em outros meses do ano. Justamente por este motivo, ocorre um aumento na demanda de sangue e hemocomponentes nos diversos bancos de sangue espalhados pelo Brasil

A importância de doação de sangue

Não é possível exagerar sobre a importância de se ter um banco de sangue bem abastecido nos hospitais de cidade. Para os casos mais óbvios, ter ou não bolsas de sangue pode ser a diferença entre a vida e a morte de um paciente resgatado de um de uma situação de emergência. Além disso, ele é fundamental para casos menos óbvios, como para pacientes em quimioterapia, que dependem de sangue para resistir aos tratamentos; ou para pacientes com anemia muito severa, para os quais apenas a uma transfusão aliviaria seus sintomas.

Heróis do século XXI

Doadores de sangue regulares são verdadeiros heróis dos nossos tempos. Como muitas vezes o sangue não é usado por inteiro, mas sim suas frações separadamente, o conteúdo da doação de uma só pessoa pode ajudar a salvar a vida de até outros três adultos. Se considerarmos crianças pequenas e bebês, o número de vidas salvas sobe para até dez, isso mesmo, DEZ crianças.

O processo de doação normalmente é muito rápido. Geralmente em menos de uma hora toda a triagem e coleta é realizada. Os menos bravos e guerreiros entre nós podem ter um pouco de medo da agulha da coleta, que é de um calibre um pouco maior do que as usadas em hospitais e clínicas. Entretanto, podemos assegurar: embora não seja totalmente indolor, a equipe de enfermagem dos hemonúcleos é muito hábil e temida “picada” dói muito menos do que poderia se esperar.

Para doar sangue, é importante se observar algumas regras importantes, que você encontrar em detalhes aqui no site do hemocentro de São Paulo. Ao contrários do que muitos podem pensar, não se trata apenas de quem está nos grupos de risco, ou pessoas que fizeram tatuagem recentemente. É importante respeitar prazos para vacinas, endoscopias, tratamentos dentários e uso de medicamento. Também é muito importante que o doador não tenha consumido alimentos gordurosos no café da manhã do dia da doação, mas que vá bem alimentado para a doação.

Os benefícios da doação de sangue

Por si só, o ato da doação de sangue é nobre e louvável. Contudo, além de salvar vidas o doador ainda tem uma série de benefícios:

  • Alguns estabelecimentos têm fila prioritária para doadores de sangue.
  • O doador por tirar um dia de folga em decorrência da sua doação.
  • A retirada do sangue do corpo força o seu organismo a produzir células novas e mais saudáveis de sangue.
  • Todo sangue doado é testado para uma série de moléstias, então considere que você passa por um mini check-up toda vez que doa sangue.
  • Você terá a gratidão de incontáveis famílias que tiveram sua vida transformada por causa de suas doações ao longo de sua “carreira de doador de sangue”.

Com tudo isso, o que  você está esperando?! Procure já o hemonúcleo ou hemocentro mais próximo de sua região. Aqui em Taubaté, nosso hemocentro é administrado pela USP e funciona das 8h às 17h. A unidade está localizada na avenida Inglaterra, número 190, no bairro Jardim das Nações.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *